Espionagem empresarial: uma ameaça real e perigosa para seus negócios

A espionagem empresarial, cada vez mais ativa no mercado, tem causado grandes prejuízos à imagem e negócios de inúmeras organizações. Seus empregados, devidamente orientados, podem ser seus maiores aliados para combater essa ameaça.

Espiões industriais são reais e provocam grandes prejuízos nas empresas, de todos os portes e ramos de atividade, onde agem. Principalmente naquelas que desenvolvem pesquisas ou tecnologias inovadoras, de alto valor competitivo e financeiro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Onde houver a possibilidade de obter informações preciosas, espiões estarão presentes!

Verifique se sua empresa está, inexplicavelmente, perdendo negócios e clientes, se seus produtos e marcas estão sendo pirateados, se projetos e segredos tecnológicos estão chegando, indevidamente, ao conhecimento de concorrentes, se seus veículos de transporte são frequentemente atacados por criminosos ou se funcionários importantes são ameaçados de seqüestro ou extorsão. Se fatos dessa natureza estiverem ocorrendo, saiba que pode não ser por acaso. Existe enorme possibilidade de que estejam ocorrendo devido a informações provenientes, de forma voluntária ou involuntária, de pessoas que atuam em sua empresa, como, funcionários, visitantes ou prestadores de serviços,

Recente artigo do Washington Post  mostrou que os custos com o cybercrime e espionagem econômica no mundo atinge a fantástica cifra superior a 445 bilhões de dólares. Mas esse valor pode ser muito maior, uma vez que as empresas que sofrem ataques de espiões não admitem o fato, com receio de terem suas imagens prejudicadas e mostrarem que seus sistemas de segurança apresentam vulnerabilidades. Esse é maior problema que as empresas enfrentam para proteger-se: sua própria ignorância em reconhecer que a espionagem representa uma perigosíssima ameaça.

Espiões buscam por segredos industriais, definidos como “propriedade física ou intelectual que tem valor por proporcionar vantagem competitiva sobre competidores que não a possuem”. ou por informações sensíveis, definidas como sendo “toda informação empresarial que, por sua natureza, deve ser de conhecimento restrito por referir-se a assunto sigiloso”. E sua empresa, seja grande ou pequena, com certeza, possui ambos, tornando-a, portanto, potencial alvo de espiões da concorrência.

Embora as empresas invistam milhões de dólares em segurança eletrônica para impedir que conhecimentos valiosos sejam roubados, eles chegam aos ouvidos dos competidores, adversários, seqüestradores ou assaltantes por outros caminhos: funcionários próprios, prestadores de serviços terceirizados, vendedores, fornecedores, visitantes, porteiros, entregadores, estagiários, etc. Essas pessoas são visadas porque possibilitam acesso a informações e conhecimentos importantes, base para a execução de diversas ações criminosas.

Espiões, como James Bond, só existem em filmes. Os verdadeiros espiões não realizam ações fantásticas nem são pessoas de elevada inteligência. Eles tiram proveito do acesso que lhes é permitido. Aproveitam-se das vulnerabilidades ou brechas de segurança existentes. Eles exploram a amizade e confiança das pessoas para obterem informações. Eles obtém bons resultados em suas investidas porque as organizações realizam o mínimo em medidas de contrainteligência e contraespionagem.

Várias técnicas são usadas para obter informações: espiões costumam ouvir a conversa de outras pessoas, freqüentemente feita em ambientes sociais, como bares, restaurantes, transporte público, onde as pessoas estão confortáveis, seguras e mais à vontade para falar sobre si mesmas ou do trabalho que fazem. Também, com a moderna tecnologia disponível, podem instalar um microfone em sua sala de reuniões, em quartos de hotel, nos escritórios e nos automóveis. Podem roubar documentos, maletas, computadores laptop ou equipamento sensível; podem seguir uma pessoa para conhecer seus hábitos. Espiões coletam tudo. Para eles até o seu lixo empresarial é uma mina de ouro, repleta de
informações.

Espiões humanos não são apanhados por sistemas eletrônicos de segurança nem por vigilantes truculentos. A identificação e captura de espiões industriais exige o emprego de técnicas mais sutis de observação, análise de comportamentos e abordagem. Planos de proteção e salvaguarda de informações e conhecimentos valiosos devem abranger o treinamento regular de funcionários. Os funcionarios são fundamentais para a proteção dos segredos de negócios e, se não estiverem adequadamente preparados, poderão ser presas fáceis de espiões. Treinamento, educação e motivação adequada podem dar a eles as ferramentas e o desejo de ajudar a preservar os segredos da empresa. Nunca subestime o poder da espionagem, principalmente quando existe lucro envolvido.

Proteja seus projetos! Treine e transforme seus funcionários numa defesa contra a espionagem!

O site do FBI (Federal Bureau of Investigation), dos Estados Unidos da América fornece valiosas recomendações para a proteção dos projetos empresariais. Visite, se valoriza a segurança de seus negócios: https://www.fbi.gov/news/stories/economic-espionage

Milton Roberto de Almeida é Administrador de Empresas, Oficial da Reserva de Cavalaria do Exército (R/2), com especializações em Gestão da Administração Pública, História Militar, Planejamento Político-Estratégico e Gestão de Recursos de Defesa (Escola Superior de Guerra). Ministra cursos de Inteligência e Contrainteligência Empresarial, Gerenciamento de Crises, Gestão de Conflitos e Segurança do Capital Intelectual (Contraespionagem).

 

Anúncios

Sobre Milton R. Almeida

Milton Roberto de Almeida é Administrador de Empresas com especializações em Gestão da Administração Pública, História Militar, Planejamento Político-Estratégico e Gestão de Recursos de Defesa (Escola Superior de Guerra). Atuou em empresas públicas e privadas nas áreas de Marketing, Vendas e Educação Corporativa. Lecionou disciplinas de Administração em diversas faculdades. Desenvolvedor e apresentador de treinamentos empresariais.
Esse post foi publicado em Administração, Espionagem, Gestão de Crises, Segurança, treinamento e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s